5 Atalhos do livro Essencialismo para você aumentar a produtividade no seu negócio em pouco tempo

Atualizado: há 3 dias

Já se sentiu fazendo muitas atividades mas produzindo pouco? Talvez, essa impressão sua venha da falta de clareza sobre a relevância das suas tarefas.



Muitas vezes, nós fazemos um checklist das tarefas que temos que fazer, mas nos agarramos naquelas que são pouco relevantes dentro dos nossos objetivos pessoais ou profissionais. Mas, como definir quais tarefas são as mais relevantes? A minha recomendação pode te ajudar a responder essa pergunta.


Entenda o que é o Livro


Essencialismo é um livro bestseller de Greg McKeown que apresenta um método para aprender a reduzir, simplificar e manter o foco em nossos objetivos. Neste livro, Greg apresenta conceitos que te ajudam a selecionar o essencial para alcançar nossos objetivos e eliminar todo o resto. Segundo McKeown, se não decidimos em que devemos focar nossa energia e tempo, outras pessoas irão fazer por nós. Já o essencialista, ele toma a decisão do que deve ser feito, seguindo a estratégia de fazer menos, mas melhor.


Para conseguir focar no essencial, você precisa compreender alguns conceitos:


1. Multitarefa é diferente de multifoco: Se empenhar em ser multitarefa cria uma ilusão de ser mais produtivo. O que acontece é que você estará fazendo várias tarefas com qualidade inferior. Isso acontece porque o cérebro só consegue focar em um tarefa por vez. Ou seja, você pode até ser multitarefa, mas não tem multifoco.


2. Se não estabelecermos prioridades, alguém fará isso por nós: As pessoas sempre estão vendendo coisas, seja uma ideia ou um projeto e você estará pagando por isso, nem que seja com o seu tempo. A ideia é analisar o que vale a pena de acordo com nossos objetivos e se vale pagar o “preço”.


3. Para ter foco é preciso escapar: Greg surpreende quando diz que precisamos gerar o foco. A ideia é se esforçar em refletir, pensar nos desdobramentos, obstáculos e estratégias de execução. Se você se esforçar em gerar o foco em vez de realizar a tarefa em si, você entra em um fluxo mental e a tarefa será desenvolvida de forma natural.


4. A rotina não é sua inimiga: Segundo Greg, a rotina condiciona o nosso cérebro aos comportamentos que buscamos adotar. O primeiro passo aqui é identificar os gatilhos das nossas ações e implementar hábitos condizentes com nossos objetivos. Ao estabelecer a rotina, ligamos o “piloto automático” para as tarefas recorrentes para focar no novo.


5. Transmita as coisas certas às pessoas certas, no momento certo: Normalmente, líderes analisam as informações até estarem aptos para uma tomada de decisão. O autor recomenda analisar os cenários de forma mais completa até encontrar a essência de cada proposta. Depois de identificar essa essência do que deve ser feito, comunicar com a equipe de forma sucinta, coerente e adequada ao contexto.

Incrível, né?


Concluindo...


Isso é o que eu entendi sobre o que o livro aborda, mas acho que já dá pra ter noção do impacto que pode causar nas nossas vidas se aplicarmos esse método. Recomendo muito a leitura desse livro para melhor internalizar a informação e refletir sobre como se tornar um essencialista. Espero que tenha gostado da minha recomendação, vou começar agora a implementar esse método e, caso queira tentar também, me manda uma mensagem.







0 visualização

Fique por dentro

  • Youtube
  • Instagram
  • Ícone do facebook
  • Linkedin
  • Spotfy
  • TikTok
Envie uma mensagem para nós

contato@organikamidias.com.br

+55 27 99249.8040

das 9h às 18h.

CNPJ: 24.791.787/0001-15

  • Youtube
  • Ícone do Instagram Branco
  • Ícone do Facebook Branco
  • Linkedin
  • Spotfy
  • TikTok